Rio Claro vai utilizar computadores para controlar a iluminação pública

105

Divulgação

Cada um dos mais de 20 mil postes da cidade está recebendo uma placa com numeração para que seja feito o cadastro
Cada um dos mais de 20 mil postes da cidade está recebendo uma placa com numeração para que seja feito o cadastro

O município de Rio Claro está implantando um programa informatizado de georreferenciamento para auxiliar no planejamento e manutenção do sistema de iluminação pública em suas avenidas, ruas e praças.

Cada um dos mais de 20 mil postes está recebendo uma placa com numeração para que seja feito o cadastro e, posteriormente, um banco de dados controlado por um programa de computador.

>>>  Leitores denunciam falta de iluminação em bairros

“Isto vai nos permitir acesso imediato a toda informação que precisarmos do nosso parque de iluminação pública”, destaca o engenheiro Rodrigo Mussio, secretário municipal de Obras, acrescentando que os cidadãos serão beneficiados com a tecnologia adotada. “O sistema permitirá que as solicitações de serviços sejam feitas pela internet, de maneira mais rápida, diretamente para a empresa responsável pela troca das lâmpadas”, informou. Por e-mail, o cidadão receberá um número de protocolo e também será avisado após o atendimento do pedido.

Outra vantagem, lembra Rodrigo, será a possibilidade de identificar com precisão as eventuais falhas, como, por exemplo, um ponto de luz que apresente sucessivas trocas de lâmpadas. “Com as informações informatizadas, ficará fácil atentar para a repetição do problema e dar uma solução imediata”, observa.

A expectativa é de que o georreferenciamento esteja em pleno funcionamento em outubro. O emplacamento dos postes já foi iniciado, dando um número para cada ponto de luz, serviço que deverá estar concluído em agosto. As próximas etapas serão o cadastramento e a estruturação do banco de dados.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: