Consultório do SEPA fica na esquina da Av. 19 com a Rua 10, na região do Consolação (Imagem: divulgação/Fotos Públicas)

Lucas Calore

A vida sexual dos brasileiros está começando cada vez mais cedo. Com a falta de responsabilidade, muitos jovens acabam deixando a preocupação de lado e não usam preservativos. Muitas dessas situações ocorrem após noitadas em festas e consumo de álcool.

Na semana passada, um relatório anual da Unaids, programa da ONU (Organização das Nações Unidas) sobre HIV, revelou que o número de casos de Aids no mundo tem diminuído, ao contrário do Brasil, que teve acréscimo nos registros.

Consultório do SEPA fica na esquina da Av. 19 com a Rua 10, na região do Consolação (Imagem: divulgação/Fotos Públicas)
Consultório do SEPA fica na esquina da Av. 19 com a Rua 10, na região do Consolação (Imagem: divulgação/Fotos Públicas)

Segundo o documento, o número de casos da doença em garotos na faixa etária de 15 a 19 anos aumentou 53% entre os anos de 2004 e 2013. O número deixou o setor de saúde no país em alerta.

Em Rio Claro, já são mais de 20 casos confirmados de HIV/Aids em 2015, de acordo com a Fundação Municipal de Saúde, que não revelou o número exato. Ainda segundo a FMS, nas notificações dos últimos cinco anos existe a predominância da população de sexo masculino como tendo a maioria dos portadores, na qual incluem-se heterossexuais e população LGBT. No ano de 2014 foram confirmados cerca de 69 casos entre homens e mulheres no município.

PREVENÇÃO

O Brasil continua sendo referência no tratamento e combate ao vírus. Segundo o Ministério de Saúde, atualmente o SUS (Sistema Único de Saúde) oferece gratuitamente 22 medicamentos para o tratamento da doença.

Na cidade de Rio Claro o SEPA – Serviço Especializado em Prevenção e Assistência para DST/AIDS/Hepatites Virais funciona sob essa nomenclatura desde 2010, mas o serviço de tratamento existe desde 1989.

A equipe do CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento) atende diariamente à demanda populacional que deseja realizar testagem para HIV, Sífilis, Hepatites B e C. Os testes são realizados por punção digital e o resultado fica pronto em apenas 30 minutos. Além das testagens no serviço, existe o CTA Itinerante, que faz testagens em locais vulneráveis de grande aglomeração populacional, como em festas, eventos, etc. Interessados podem agendar o teste diretamente no consultório do SEPA.