Onça-parda resgatada no Horto não resiste e morre

281

Carine Corrêa

A onça-parda que foi encontrada presa em uma armadilha no Horto Florestal de Rio Claro morreu nessa sexta-feira (21). A informação foi divulgada na página oficial da Associação Mata Ciliar de Jundiaí, que fez o resgate do felino junto com a Polícia Ambiental e funcionários da floresta. A mensagem foi publicada junto a uma imagem na cor preta, para simbolizar o luto.

onca

O caso

A onça-parda foi encontrada na manhã de quarta-feira (19) pelo guarda florestal Irineu. Como o vigia encontrou o animal, carinhosamente ele recebeu o nome do guarda. Polícia Militar Ambiental, funcionários da FEENA (Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade) e membros da Associação Mata Ciliar de Jundiaí estiveram envolvidos no salvamento do felino.

Ele ficou preso em uma armadilha caseira para java-porcos, feita com fios de aço. O felino era macho e, segundo veterinária da Associação, deve ter cerca de um ano e meio de vida.

A matéria na íntegra você confere na edição impressa do JC deste domingo (23).

5 COMENTÁRIOS

  1. Sentiremos a sensação de perda quando NÃO houver impunidade aos acusados por parte da Justiça e houver esquecimento do ocorrido por parte da imprensa, até lá, ainda acredito.

  2. Tadinha da onça…o ser humano sempre se superando e maltratando cada vez mais o meio ambiente. Punição aos responsáveis, hoje uma onça, amanhã não se sabe o quê ou quem. Lamentável!
    “Olhe no fundo dos olhos de um animal e, por um momento, troque de lugar com ele… em determinado ponto eles são nós e nós somos eles”
    Philip Ochoa

  3. Nossa que noticia triste! Apesar de não morar em Rio Claro mas ser rio-clarense tenho uma paixão especial pelo horto e pelos animais que ali vivem, estas pessoas que caçam por prazer são cruéis e espero que sejam pegos.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: