Mulher é morta a facadas em Araras

1816

Ramon Rossi

A morte de Stefany Pereira Ramos, de 19 anos, nesta quinta-feira (24), na região leste de Araras, foi o primeiro caso de feminicídio no município em 2019. Segundo a polícia, a autor do crime, que deu várias facadas no corpo da vítima, seria o próprio companheiro, de 24 anos.

Informações obtidas pelo JC com a delegada da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de Araras, Andréa Arnosti Pavan, relatam que a Guarda Civil recebeu denúncia de que a jovem teria dado entrada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) 24h Elisa Sbrissa Franchozza com vários golpes de facada. A presença do acusado deixou o Hospital Municipal tumultuado. Ela teve o pulmão perfurado.

O namorado da vítima foi conduzido ao Pronto Socorro do Hospital São Luiz para exame e foi constatado que ele se autogolpeou com a mesma faca. Ele também estava com várias lesões no pescoço.

De acordo com a delegada, o suspeito disse que Stefany estava grávida. “Isso é o que ele está nos dizendo. Vamos agora investigar e fazer os exames necessários para a comprovação. Nas próximas horas, teremos mais detalhes sobre o caso”, disse ela a nossa reportagem.

O autor está sendo ouvido neste momento e permanecerá à disposição da Justiça.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: