Indecisos sobem em relação a maio e chegam à casa dos 69%

79

Antonio Archangelo

A Pesquisa Limite/JC também ouviu o eleitor de forma espontânea. Ao ser questionado: Em outubro, teremos eleições municipais. Se as eleições fossem hoje, em quem você votaria para prefeito de Rio Claro?

A resposta foi de 69% dos entrevistados se mostrando indecisos em relação ao voto. O número é maior do que o da pesquisa realizada pela Limite/JC em maio deste ano, quando 57,5% se mostraram indecisos. O percentual chega a 76,8% entre eleitores com faixa etária entre 16 e 24 anos; 74,1% entre os eleitores residentes no Bonsucesso/Novo Wenzel e bairros vizinhos; 73,2% entre eleitores com ensino fundamental completo; e 72,5% entre residentes do Florença, Vila Industrial, Mãe Preta, Jardim América, Vila Aparecida e bairros vizinhos.

Gustavo Perissinotto, Juninho da Padaria, Sérgio Santoro, Mário Zaia, Airton Moreira e Alcir Russo
Gustavo Perissinotto, Juninho da Padaria, Sérgio Santoro, Mário Zaia, Airton Moreira e Alcir Russo

Nesta pesquisa 10,1% disseram que votarão “nulo” ou em “branco”. Em maio o percentual era de 16,9%. Outros 14,8% dos entrevistados citaram o nome do candidato Juninho da Padaria, do DEM, como opção de voto espontâneo.

O número é menor que o registrado em maio: 17,2%. Abaixo da margem de erro de 3,7% aparece o candidato a prefeito Sérgio Santoro (PRB) com 2,9%. Em maio o candidato pontuou 3,5%.

O candidato Gustavo Perissinotto (PMDB) pontuou 1,3%. Em maio o candidato tinha 1,1%.

Ainda aparecem na pesquisa espontânea: o ex-prefeito Nevoeiro Júnior (DEM) com 0,4%; o deputado Aldo Demarchi (DEM) com 0,1%; Airton Moreira (PSOL) – 0,3%; Luís Alves 0,2%; Batista – 0,1%; Cláudio Di Mauro – 0,2%; Guedes – 0,1%; Julinho Lopes (PP) – 0,1%; e Alcir Russo (PV) – 0,1%.

>> Juninho da Padaria sai na frente em pesquisa após as convenções

ESTRATIFICADOS

Em relação à intenção de voto espontâneo por estrato, Juninho da Padaria (DEM) chega a pontuar 21,1% na região dos bairros Jardim Novo, Guanabara e Jardim das Palmeiras.

Sérgio Santoro, do PRB, chega a pontuar 4,8% na região do Novo Jardim Wenzel, Bonsucesso, Santa Eliza, Jardim São Paulo, Cidade Claret e Santa Cruz.

Gustavo Perissinotto (PMDB) chega a pontuar com 4,6% entre os entrevistados com renda superior ou igual a cinco salários mínimos. Nenhum outro nome citado chegou a pontuar acima da margem de erro de 3,7%.

PESQUISA

A pesquisa Limite/JC foi realizada entre os dias 16 e 19 de agosto, sendo entrevistados 708 eleitores da cidade de Rio Claro. A metodologia empregada foi entrevista pessoal individual.

O questionário abordou também as variáveis sexo, idade, escolaridade, renda e área da cidade para análises estratificadas de acordo com os níveis destes fatores. O plano amostral contempla a realização das entrevistas em toda a área urbana de Rio Claro.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: