Iluminaria acesa em plena tarde em rua localizada no centro. Elektro entrega parque de iluminação no fim do mês

Antonio Archangelo/Coluna PolítiKa

Iluminaria acesa em plena tarde em rua localizada no centro. Elektro entrega parque de iluminação no fim do mês
Iluminaria acesa em plena tarde em rua localizada no centro. Elektro entrega parque de iluminação no fim do mês

Através de sua assessoria de imprensa, a distribuidora de energia elétrica afirmou nessa quinta-feira (9), que cumprirá o acordo de cooperação até o próximo dia 30. De acordo com a nota, a população deve informar a Prefeitura pelo telefone 156 os pontos que necessitam de reparos, já que a Prefeitura encaminha a Elektro os pontos que devem ser executados.

>>> Prefeitura homologa empresa que gerenciará parque de iluminação pública

“A Elektro cumprirá o acordo de cooperação até o dia 30/04. No acordo consta a manutenção da iluminação pública seguindo a média histórica de 14 atendimentos dia. A Elektro está atendendo acima da média”, avisou a nota. De acordo com os vereadores, a concessionária afirma que já efetuou 1049 reparos, cerca de 27 por dia. Porém, as reclamações com o setor continuam.

Para evitar problemas, a Prefeitura tem expectativa de anunciar em breve a empresa que fará a manutenção da iluminação pública depois do dia 30. De acordo com a administração, o processo licitatório está em andamento.

“Das 14 empresas que apresentaram proposta, cinco foram inabilitadas tecnicamente. No momento, a licitação está em fase de recursos. O acordo da Prefeitura com a Elektro vigora até o final deste mês. A Prefeitura está fazendo todos os esforços para concluir o processo licitatório antes desse prazo. As licitações realizadas pela Prefeitura de Rio Claro seguem a legislação, que prevê possibilidade de recursos e outras manifestações das empresas participantes. São situações que não dependem da Prefeitura que, por isso não pode prever neste momento quando o certame será encerrado. A Prefeitura está fazendo todos os esforços para concluir o processo licitatório até o final do acordo com a Elektro”, diz a nota.

Cabe lembrar que a Câmara não votou projeto de lei, de autoria do vereador Juninho da Padaria, que estabeleceria multa para a concessionária caso entregasse o parque de iluminação sem a devida manutenção. O projeto foi considerado inconstitucional.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Notícias: