Vídeo: caminhão quase tombou na Avenida Kennedy

63

Da Redação

Foto acima mostra trabalho de rescaldo sendo realizado no local
Foto acima mostra trabalho de rescaldo sendo realizado no local

Por muito pouco o caminhão carregado de combustível que explodiu nesta manhã desta quinta-feira (31), em Rio Claro, não tombou em frente ao Aeroclube, na Avenida Presidente Kennedy. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, a perseguição em alta velocidade fez com que o ladrão que dirigia o veículo perdesse o controle e se acidentasse, ainda, em área urbana.

Em entrevista à reportagem do Jornal Cidade, o motorista sequestrado pela quadrilha contou que permaneceu quatro horas em poder dos assaltantes, sendo abandonado num canavial na rodovia Fausto Santomauro (SP-127) sem ferimentos.

Trabalho de rescaldo foi realizado pelo Corpo de Bombeiros 

Ele foi abordado por quatro homens às 7h50, um deles armado, em Taquaritinga, município entre Matão e Araraquara. Carregando 46 mil litros de gasolina, o caminhão foi assumido por um dos criminosos e o motorista encapuzado e levado de carro pelos outros três. Segundo a vítima, o trio acabou revelando que a carga roubada já estava vendida e ia ser entregue em seguida ao posto de combustíveis que a comprou. Como seu telefone-rádio não foi desligado, um colega do motorista o contatou. Ele foi obrigado a mentir para o colega, que mesmo assim percebeu o problema e avisou a polícia.

Já na altura de Rio Claro, a perseguição começou, terminando com o tombamento do veículo e a massiva explosão da carga na alça de acesso à Washington Luís (SP-310), como noticiado pelo JC. O ladrão que estava no volante conseguiu fugir e não houve feridos.  Com informações de Carine Corrêa.

Mais informações e a matéria na íntegra você confere na edição impressa do JC de sexta-feira (1°). 

Qual sua opinião? Deixe um comentário: