Trecho da antiga linha férrea, ora desativada, que cortava o Grande Cervezão. Mato alto, entulho, muita sujeira e presença de indivíduos suspeitos ainda causam transtornos aos vizinhos

Lucas Calore

Quem mora próximo à antiga linha férrea na região do Grande Cervezão convive com problemas há bastante tempo. No trecho cortado pela Rua 6, onde há um pontilhão, a situação se agrava.

Abaixo do local, o mato está tão alto, que até mesmo barracos já foram montados por moradores de rua para se abrigarem. Lixo, entulho, restos de móveis, entre outros materiais são despejados frequentemente no matagal.

Morando com o perigo

Bem ao lado do pontilhão há uma chácara com cinco casas. Uma delas, a da dona Raimunda Monteiro, de 68 anos, faz divisa com o barranco cheio de mato e sujeira. Morando ali há duas décadas, ela se queixa da falta de segurança que a situação traz para ela e outros moradores da chácara.

Há cerca de dois anos, indivíduos pularam a cerca, subiram no telhado, destelharam e conseguiram, assim, entrar na casa de Raimunda. Levaram objetos de valor, como eletroeletrônicos, roupas, sapatos, entre outros. “Quando o trem passava, era menos perigoso do que hoje em dia”, desabafa a moradora.

Trecho da antiga linha férrea, ora desativada, que cortava o Grande Cervezão. Mato alto, entulho, muita sujeira e presença de indivíduos suspeitos ainda causam transtornos aos vizinhos
Trecho da antiga linha férrea, ora desativada, que cortava o Grande Cervezão. Mato alto, entulho, muita sujeira e presença de indivíduos suspeitos ainda causam transtornos aos vizinhos

Ela afirma, também, que já se cansou de solicitar ajuda à Prefeitura Municipal. Raimunda lamenta e diz que não se lembra da última vez em que o local recebeu a limpeza.É fre quente a presença de saruê, uma espécie de gambá, em sua casa. O bicho causa transtornos no quintal, inclusive já matando pintinhos que a dona de casa criava.

Prefeitura

A prefeitura de Rio Claro afirmou por meio de nota oficial da assessoria que uma nova ação de limpeza naquela região, inclusive sob o pontilhão, está programada para os próximos 15 dias.

“Toda vez que a Secretaria Municipal de Manutenção e Paisagismo retorna àquele setor, o entorno da antiga linha férrea recebe limpeza”, diz a nota.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Segurança:

URGENTE: homem é atacado por enxame de abelhas no Terra Nova

Vítima fatal de acidente no Grande Cervezão é sepultada