Homem usa cano de ferro para manter mulher refém por 12h em Araras

629
Ramon Rossi

Um homem, 36, foi preso em flagrante na tarde da última terça-feira (17) depois de manter, em cárcere privado por mais de 12h, sua namorada, 33. Ele ainda usava um cano de ferro para agredir a moça. O caso ocorreu no Conjunto Residencial Arnaldo Mazon, no bairro Narciso Gomes, região sul da cidade. O motivo, segundo informações obtidas pelo JC, teria sido ciúmes.

Com a chegada das equipes da Polícia Militar, a vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros ao Pronto Socorro do Hospital São Luiz, onde permaneceu internada com hematomas em todo o corpo. A mulher, que teve um dos dedos quebrados durante as agressões, disse aos policiais que iria morrer se eles não tivessem aparecido.

O agressor foi preso e apresentado na DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) onde, após ser ouvido, foi autuado por violência doméstica, lesão corporal e cárcere privado, permanecendo à disposição da Justiça. A polícia descobriu o caso após uma denúncia anônima.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: