Planta pode ajudar no combate à dengue, pois suas flores atraem a libélula, que é predadora natural do Aedes aegypti

Da Redação

Planta pode ajudar no combate à dengue, pois suas flores atraem a libélula, que é predadora natural do Aedes aegypti
Planta pode ajudar no combate à dengue, pois suas flores atraem a libélula, que é predadora natural do Aedes aegypti

Os alunos da Escola Municipal Djiliah Camargo de Souza distribuíram mil mudas da planta crotalária a moradores do bairro Jardim Ipê e também plantaram as mudas no entorno da escola.

Segundo a diretora da unidade, Iara Ap. Olimpio, foi descoberto que a planta pode ajudar no combate à dengue, pois suas flores amarelas atraem a libélula, que é predadora natural do mosquito transmissor.

“Para aumentar a população de libélulas é indicado o plantio de crotalárias em jardins, quintais, terrenos baldios, vasos e inclusive nas margens de rios e córregos, pois, se a planta estiver próxima à água, as larvas das libélulas são devoradoras vorazes das larvas do Aedes aegypti, desta forma realiza um controle biológico do inseto”, comenta.

A diretora explica que a iniciativa foi tomada porque a cidade contabiliza mais de 14 mil casos confirmados de dengue. “Na escola este quadro foi constatado devido a vários afastamentos médicos de alunos, professores, funcionários e seus familiares acometidos com a doença. Dentro deste contexto os alunos foram estimulados a pesquisarem sobre o mosquito”, conclui a professora.

DENGUE

O alerta continua para as ações de prevenção ao mosquito transmissor da doença. A população deve estar atenta. A prefeitura de Rio Claro produziu uma cartilha sobre a dengue, sua prevenção e todos os procedimentos de saúde pública no tratamento.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Notícias: