Se você recebeu mensagem no WhatsApp em nome do Ministério da Saúde, fique atento. Com prefixo de São Paulo (11), o golpista instrui a vítima a fazer o agendamento para vacinação contra a Covid-19. A orientação é para que nenhum dado pessoal seja fornecido, uma vez que a pasta não faz esse tipo de serviço e nem solicita tais informações do cidadão.

A mensagem que é enviada ao usuário da rede social

Além disso, não existe agendamento para receber a dose da vacina, e sim um pré-cadastro feito pelo Governo do Estado para agilitar o atendimento no dia da vacinação. Para mais informações, acesse: www.vacinaja.sp.gov.br.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.