Oito meses após o prazo de término, as obras de duplicação da Rodovia Wilson Finardi (SP-191), entre Rio Claro e Araras, continuam sem previsão de serem retomadas. Em abril do ano passado, a reportagem do Jornal Cidade expôs que um entrave entre a Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) e a concessionária responsável pelo trecho, Arteris Intervias, foi parar na Justiça. Desde então, nada mudou e os 25 km totais que ligam os dois municípios continuam sem novas intervenções.

A rodovia faz ligação entre as rodovias Washington Luís (SP-310) e Anhanguera (SP-330) e já teve a duplicação das ‘pontas’ em 2019. De lá para cá, espera-se a conclusão das obras. No ano passado, a concessionária havia alegado que o trecho ainda não atingiu o volume de tráfego exigido em contrato para a sua duplicação, fato que levou a discussão para a Justiça.

Nesta semana, a Artesp informou ao JC que os projetos para a realização das obras de duplicação da Rodovia Wilson Finardi (SP-191) entre o km 52+415 e o km 70+461 já estão concluídos. “Após notificação à concessionária para a retomada das obras, no ano passado, o caso foi judicializado. A Agência aguarda decisão da Justiça para elaboração de novo cronograma”, comunica.

Já a concessionária declarou que o processo envolvendo a duplicação da SP-191 segue em tramitação na Justiça e que a concessionária aguarda decisão judicial sobre o caso. A obra teve um custo orçado em quase R$ 50 milhões e foi anunciada em solenidade pelo então governador Geraldo Alckmin (na época, do PSDB) através do Programa de Concessões Rodoviárias do governo do Estado de São Paulo.

Já em 2019, o então governador João Doria (PSDB) esteve em Araras para anunciar o fim da primeira fase de obras ao lado do ex-secretário estadual do Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. Na cerimônia, chegou a confirmar compromisso pela segunda fase das obras no trecho central.

Relembre

O término das obras de duplicação da Rodovia Wilson Finardi (SP-191), entre Rio Claro e Araras, deveria ocorrer até 2021.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Política: