Rio Claro Basquete vai para o tudo ou nada em SP contra o Pinheiros

241

Na última sexta-feira (13), o Rio Claro Basquete recebeu o Pinheiros no Ginásio do Felipão e perdeu uma ótima oportunidade de sair na frente em busca de uma vaga na próxima fase do Campeonato Paulista de Basquete.

Os comandados de Fernando Penna estiveram a frente do placar durante boa parte da partida, mas com erros em alguns lances capitais deixaram a vitória escapar. Melhor para o Pinheiros, que abriu 1 a 0 nos playoffs de oitavas de final.

O maior problema para o Leão é que, para se classificar, o time terá que decidir tudo fora de casa e não basta vencer uma vez. Para chegar às quartas de final, o Rio Claro Basquete precisará ganhar duas partidas seguidas contra o Pinheiros na capital paulista.

A primeira chance para manter viva a esperança de classificação será na noite desta segunda-feira (16), quando Pinheiros e Rio Claro se enfrentarão no Ginásio Henrique Vilaboim, às 20 horas. Se Rio Claro perder o jogo de amanhã, o Leão estará eliminado e o Pinheiros se classifica para pegar o Corinthians nas quartas de final do Paulista.

A missão do Leão se torna ainda mais difícil sabendo que, caso a vitória venha na partida desta segunda, o terceiro jogo entre as duas equipes será realizado, também na casa do Pinheiros, na quarta-feira (18), às 20 horas, e a equipe rio-clarense precisará vencer novamente fora de casa para seguir no Campeonato.

O técnico do Rio Claro, Fernando Penna, falou ao JC sobre a situação da equipe nos playoffs após a derrota na primeira partida: “Foi uma derrota dolorida. Estivemos na frente grande parte do jogo e no final não soubemos fechar a partida. Tivemos alguns erros, no segundo tempo perdemos várias bolas em violações e isso machucou um pouco nossa equipe e acarretou na derrota. Apesar disso, acredito que a série ainda está totalmente aberta. Temos chances reais de ganhar o próximo jogo. Sabemos da qualidade do Pinheiros, um time entrosado, que já joga há dois anos junta, e com jogadores tecnicamente excelentes, que podem fazer a diferença. Portanto, precisamos estar atentos a estes jogadores e às situações que favorecem a equipe deles. Precisamos saber tirar esse volume do Pinheiros para que a gente tenha a chance de sair com a vitória nesta segunda-feira e empatar a série”.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: