Nesta sexta-feira (11) uma mensagem compartilhada através do Whatsapp traz notícia de um suposto novo decreto de restrições ao funcionamento de comércio, igrejas e serviços em Rio Claro. Trata-se de uma notícia falsa, já que o texto, na verdade, é de um decreto assinado pelo prefeito de Cordeirópolis, Adinan Ortolan, para tentar conter o avanço da Covid-19 naquele município.

Na mensagem, inclusive, é possível encontrar pontos no texto que se referem a Cordeirópolis, como o Lago União, que não existe em Rio Claro.

A reportagem do JC procurou a assessoria de comunicação da prefeitura de Rio Claro, que deve divulgar ainda hoje se a cidade também terá alguma novidade sobre medidas de restrição diante do aumento dos casos e das internações por Covid-19.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

A realidade é dura