Maria e Davi são os nomes preferidos em Rio Claro

160

Ednéia Silva

Os nomes Maria e Davi foram os mais utilizados para o registro de crianças no ano passado em Rio Claro, com 112 e 103 registros, respectivamente. O levantamento foi feito pela Arpen-SP (Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo).

A pequena Maria Morena Hummel da Conceição nasceu no dia 25 de março deste ano. A mãe Fabiana Hummel não tinha certeza se a criança seria menina, mas tinha como certo o nome Maria se o bebê fosse do sexo feminino.

Fabiana conta que a escolha do nome causou estranheza, porque ele é tido como nome de “pessoas velhas”. Sempre tinha a cobrança por um complemento como Eduarda, Clara, já pensando nos apelidos que iriam abolir o Maria. Mas Fabiana se manteve firme na escolha que fez. A pequena recebeu o nome por dois motivos. Primeiro em homenagem à avó paterna, que aos 86 anos de idade ganhou a sua primeira neta. Segundo porque a família é devota de Nossa Senhora Aparecida, chamada de Mãe do Céu Morena. Daí surgiu o nome complementar da filha: Morena.

A avó, Maria Francisca da Conceição, 86, declarou estar muito feliz com a homenagem recebida. Segundo ela, uma criança é sempre bem-vinda, mais ainda no caso da Maria Morena, que é sua primeira neta. “Tenho um monte de netos, cinco netos e três bisnetos, todos meninos”, conta. Somente tem uma bisneta, a Ana Beatriz, mas neta Maria Morena é a primeira. Dona Maria comenta ainda que sempre gostou do seu nome, que é praticamente uma tradição de família por ser muito utilizado.

Luís Gustavo Uliana e Ilara Karoline de Claudio Uliana escolheram o nome Davi para o filho que irá completar cinco anos no próximo dia 13. A escolha foi feita pelo pai, que queria um nome simples. A certeza da escolha veio com a descoberta do significado: criança amada por todos. Além disso, as letras que formam Davi também podem formar a palavra vida e Davi é realmente a vida e a alegria dos pais.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: