Valdir Augusto Huppert faleceu no domingo, dia 5, aos 82 anos

Professor, advogado e Diácono faleceu no último domingo (5), em Rio Claro

Foi sepultado nessa segunda-feira (6), no Cemitério São João Batista, o rio-clarense Valdir Augusto Huppert, destacado professor, advogado e Diácono Permanente da Diocese de Piracicaba, aos 82 anos. Era viúvo de Neyde Pantoja Huppert, falecida há pouco mais de 2 anos.

Sua despedida foi marcada por missa de corpo presente presidida pelo Bispo Diocesano Dom Devair, na Igreja Matriz de Santana, também nessa segunda-feira, às 10 horas.

Dr. Valdir dedicou toda sua vida adulta à cidade de Rio Claro. Tornou-se conhecido na região como destacado funcionário da E. F. Saad, empresa privada atuante nos segmentos de tecelagem e pecuária, no início de sua carreira, a partir da segunda metade dos anos 1950.

Foto: Arquivo Pessoal

Posteriormente, lecionou diversas disciplinas em vários cursos superiores das Faculdades Claretianas, por cerca de 20 anos, e há mais de 40 anos, simultaneamente às atividades acadêmicas, exerceu a advocacia, nas áreas Cível, Tributária, Empresarial e Trabalhista.

Em 1994 foi ordenado Diácono Permanente, inicialmente vinculado à Paróquia de Santana, tendo também servido outras comunidades da cidade, até retornar, há poucas semanas, à sua Paróquia de origem.

Constituiu família com Neyde, com quem contribuiu na administração de estabelecimento comercial no centro, atuante no ramo de tecidos e confecções, na época conhecida como “Loja Jussara”, ainda nos anos 1990. Sua família aumentou com a chegada de suas duas filhas, Gisele Adriana e Érica Simone, respectivamente casadas com Antonio Ayres e Luis Gonzaga, e, há 14 anos, com sua neta Ana Clara.

Mais em Necrologia:

Falecimentos: confira a necrologia de 29/05/2024

Falecimentos: confira a necrologia de 28/05/2024

Falecimentos: confira a necrologia de 24/05/2024