Jogo do Galo Azul terá promoção das garrafas PET

112

Matheus Pezzotti

O Projeto Futebol Sustentável, criado por Edivaldo Ferraz, com apoio da Federação Paulista de Futebol (FPF), tem se tornado cada vez mais atrativo ao torcedor.

Nos jogos com esta promoção, o torcedor troca duas garrafas pet vazias por um ingresso da partida em questão. E no próximo domingo (28), o jogo entre Rio Claro FC e Botafogo, às 11 horas, válido pela sétima rodada do Paulistão, terá este atrativo, com três mil ingressos à disposição dos torcedores do Galo Azul destinados somente para a arquibancada descoberta.

“O país vive uma crise muito grande com epidemia de dengue e, mais uma vez, o futebol, a FPF e os clubes fazem esta parceria para combater um dos criadouros do mosquito da dengue. O projeto tem três pilares: trazer as famílias aos estádios, colaborar com uma receita ao clube e contribuir para o meio ambiente, retirando os resíduos sólidos”, explica Edivaldo Ferraz.

O diretor de marketing do Galo Azul, Danilo Gil, e Edivaldo Ferraz (à direita) durante coletiva de imprensa no Schmidtão
O diretor de marketing do Galo Azul, Danilo Gil, e Edivaldo Ferraz (à direita) durante coletiva de imprensa no Schmidtão

O organizador geral do projeto comenta também que o objetivo é retirar 10 mil garrafas pet da cidade, que serão doadas para a Cooperviva (Cooperativa de Trabalho dos Catadores de Material Reaproveitável de Rio Claro).

O jogo também será a estreia do rio-clarense Sérgio Guedes no Schmidtão e o clube espera, mais uma vez, esgotar os ingressos destinados à promoção. Com isso, Edivaldo lançou um desafio: caso sejam trocados os três mil ingressos, vai tentar disponibilizar mais um lote com dois mil ingressos.

Caso os ingressos promocionais se esgotem, haverá venda normalmente dos ingressos. Na descoberta, custarão R$ 40,00 (R$ 20,00 meia) e na coberta: R$ 80,00 (R$ 40,00 meia).

Qual sua opinião? Deixe um comentário: