Confirmado caso de sarampo em Rio Claro

3555

O Instituto Adolfo Lutz confirmou nesta segunda-feira (19) à Vigilância Epidemiológica (VE) de Rio Claro um caso positivo de sarampo no município. A criança de dez meses foi atendida na Unidade Pronto Atendimento do Bairro do Estádio, recebeu os cuidados necessários e passa bem.

Ao constatar a suspeita de sarampo a Secretaria Municipal de Saúde tomou as providências de caráter preventivo necessárias. Além do encaminhamento ao Adolfo Lutz para análise, a VE aplicou vacina contra o sarampo em 73 crianças e 31 funcionários da creche onde a paciente estuda, nos familiares e pessoas próximas da família.

De acordo com a VE, por enquanto não há orientação do Departamento Regional de Saúde para que seja realizada na cidade campanha extraordinária de imunização contra o sarampo. “Estamos seguindo todos os protocolos e tomando todas as ações e precauções que a situação exige”, explica a secretária municipal de Saúde, Maria Clélia Bauer.

A Vigilância Epidemiológica de Rio Claro reforça a orientação para que a população mantenha a carteira de vacinação atualizada. Em Rio Claro, as doses são aplicadas gratuitamente nas unidades de saúde. Pessoas de 1 a 29 anos devem ter duas doses registradas na carteira de vacinação, e as de 30 a 60 anos, uma dose registrada. Menores de um ano normalmente não devem tomar vacina contra o sarampo, com exceção daquelas com idade entre seis meses e um ano que forem viajar para cidades com casos registrados da doença. Já os profissionais de saúde devem ter duas doses registradas da vacina contra sarampo, independente da idade.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: