Divulgação/Foto cedida pelo pesquisador Raul Gonzalez Lima

Pesquisadores da Escola Politécnica (Poli) da Universidade de São Paulo (USP) desenvolvem o projeto de um ventilador pulmonar mecânico que poderá ser produzido por fabricantes autorizados, rapidamente e com menor custo, para atender emergências em pacientes atingidos pela Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Mais informações podem ser obtidas pelo site da iniciativa: https://www.poli.usp.br/inspire. A ação é uma resposta a um pedido da diretoria da Poli e reúne docentes, pesquisadores, alunos e representantes da iniciativa privada. Enquanto um respirador convencional no mercado tem um preço mínimo de cerca de R$ 15 mil, o projeto da Poli permitirá produzir o equipamento a um valor em torno de R$ 1 mil.

“Por suas características, a ação irá viabilizar a construção de alguns milhares de ventiladores a partir de três semanas e ter milhares produzidos em cinco semanas”, explica ao Jornal da USP o engenheiro Raul Gonzalez Lima, coordenador de um grupo de cerca de 40 pessoas envolvidas na iniciativa, que teve início no dia 20 de março.

“Nosso projeto oferece as funcionalidades consideradas necessárias ao tratamento da Covid-19 aliadas à simplicidade e à velocidade de manufatura”, diz o engenheiro, ao explicar que as peças que constituem o equipamento, na maioria, podem ser adquiridas no mercado de fabricantes nacionais. Algumas se encontram em estoques e em distribuidores.

“Esse conjunto de medidas facilitará a montagem dos ventiladores. Procuramos no mercado um fabricante do componente ou quem tenha ele em estoque. Por exemplo, o componente chamado motor de passo foi encontrado em estoque e em quantidade significativa”, completa.

Fabricação

Segundo Raul Gonzalez Lima, o projeto tem licença open source, ou seja, é aberto para utilização pelos interessados em produzir o ventilador. O engenheiro afirma que a Poli será a responsável pelo projeto, mas não pela fabricação, que deve ser feita por empresas com autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).