GILVAN MARQUES – SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) 

Famoso principalmente na década de 1980, o desenhista Daniel Azulay morreu nesta sexta (28) aos 72 anos. A informação foi confirmada ao UOL pela esposa, Beth Azulay.

O educador e artista plástico tratava de um câncer e contraiu a covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

“Com extremo pesar comunicamos que nosso querido Daniel Azulay faleceu hoje a tarde no Rio de Janeiro. Ele estava tratando uma leucemia e contraiu coronavírus. Sua alegria continuará em todos nossos corações para sempre. Faremos rezas virtuais para ele nos próximos dias em virtude do isolamento. Daniel, Te amamos”, escreveu a sua página oficial no Facebook.