Ronildo Reis da Costa, 56 anos, morador em situação de rua, teve seus pertences levados na quarta-feira (24), após uma ação da Prefeitura Municipal por intermédio da Secretaria de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário. A sua ‘moradia’ que ficava na Avenida Marginal entre as avenidas 33 e 35, Cidade Jardim, próximo a linha férrea, foi levada por uma equipe do Cata-Bagulho.

“Moro há 2 anos nesse local e nunca tive nenhum problema com nenhum morador da região. E na quarta-feira de manhã simplesmente vieram até aqui quando eu não estava e levaram a minha barraca, cobertor, travesseiro entre outros”, comenta Ronildo que relatou que iria até a Prefeitura para reaver os seus pertences.

Morado da região, Matheus Fischer, contou que ele e os demais vizinhos sempre o ajudam com comida, água, coberta e que até recentemente uma pessoa havia doado para Ronildo uma lona impermeável nova que também foi levada nessa operação. “Tem uma pessoa que mora passando a linha férrea que todos os dias deixa ele tomar banho. Deixaram ele apenas com a roupa do corpo” fala Fischer, dizendo que de quarta-feira para quinta-feira o senhor Ronildo dormiu no relento, apenas com uma coberta e um travesseiro que um outro morador doou.

Publicidade

As pessoas que quiserem ajudar o senhor Ronildo com roupas, alimentos, entre outras coisas, podem entrar em contato com Matheus Fischer pelo telefone (19)983425529.

Nota

A Secretaria de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário encaminhou nota na quarta-feira (24) informando que a operação foi voltada a dar assistência a moradores em situação de rua foi realizada em Rio Claro na tarde de quarta-feira (23).

Profissionais que atuam na Guarda Civil Municipal e Instituto Viver e Conviver percorreram vários locais do município com o intuito de orientar e direcionar essas pessoas a locais específicos para os cuidados com a saúde e asseio pessoal. Uma equipe do Cata-Bagulho acompanhou os trabalhos para levar os pertences daqueles que aceitaram o acolhimento.

Rio Claro tem atualmente 69 moradores em situação de rua.

Ronildo dormiu ao relento de ontem (23) para hoje (24)

Mais em Dia a Dia:

Amor que não se mede e não se pede

Rede do Câncer já aluga árvores de Natal em RC

Justiça determina, mas hospital de SP se nega a aceitar bebê