Ed Frank era um apaixonado pela comunicação. Foto: Divulgação.

Familiares e amigos se despedem do rio-clarense na manhã desta sexta-feira

Morreu aos 48 anos de idade o rio-clarense Ed Frank Lahr Simonato, muito conhecido por ser locutor e por ter estado à frente de inúmeros eventos da prefeitura municipal de Rio Claro como mestre de cerimônias.

Ed Frank foi assessor na Secretaria Municipal de Turismo de 2017 a 2020 e atualmente era assessor na Secretaria Municipal de Serviços Públicos. O velório que acontece no municipal será na manhã desta sexta-feira, dia 07, das 6h30 às 10h30 com sepultamento na sequência no cemitério São João Batista.

Ed Frank estava internado na Santa Casa de Rio Claro desde o dia 14 de maio deste ano quando começou a apresentar problemas de saúde. Após alguns exames foi constatado um câncer no pulmão em estágio avançado que se espalhou pelo corpo do rio-clarense.

Nas redes sociais muitas homenagens foram prestadas a Ed Frank. O ex-prefeito de Rio Claro Juninho da Padaria escreveu: “Uma pessoa muita querida nos deixou e foi morar com Deus. Descanse em paz, meu amigo Ed Frank, sua voz forte jamais deixará de existir em nossos corações. Que Deus conforte sua família neste momento tão difícil”.

O companheiro em eventos e na Secretaria de Turismo por muitos anos Vagner Llari disse: “Agora sua voz vai ecoar nos céus, meu querido amigo. Vai em paz e que Deus o tenha em bom lugar”.

O vereador Hernani Leonhardt (MDB) lamentou a perda antes de Ed receber uma homenagem que lhe seria entregue na Câmara Municipal: “Hoje perco um grande amigo e Rio Claro perde uma de suas maiores vozes. Neste ano aprovamos a Medalha de Honra ao Mérito a ele por tudo o que representava ao município e pelos serviços prestados. Infelizmente não tivemos tempo de fazer essa entrega para o Ed Frank, mas vamos estender essa homenagem aos familiares”, afirmou o parlamentar.

Em conversa com a reportagem do Jornal Cidade, o filho Eduardo descreveu o pai como um homem espetacular e que vai deixar muita saudade: “Uma pessoa muito ativa, alegre e que se importava mais com as pessoas do que com ele mesmo. Tinha um coração ímpar, sempre envolvido com a comunidade e presente em muitas igrejas”.

Ed Frank deixou a mãe Conceição e os filhos Eduardo e Pedro.

Mais em Necrologia:

Falecimentos: confira a necrologia de 12/06/2024

Falecimentos: confira a necrologia de 11/06/2024