PAGODE BOM: show terá abertura feita pelo grupo Skema Novo e está programado para começar a partir das 23 horas

Em meio à disputa do Novo Basquete Brasil, a diretoria do Rio Claro Basquete confirmou ontem (6) a saída do armador Thiaguinho, que acertou a sua transferência para o time de Osasco. No início deste mês já haviam deixado o Leão o ala/armador Eduardo Sanchez, que foi para o Paulistano, e o ala Lele, que não teve seu contrato renovado e deve ir para o time de Ponta Grossa.

O diretor Marcelo Tamião, do Rio Claro Basquete, explica a saída do jogador.

“O Thiaguinho nos procurou dizendo que recebeu uma proposta de Osasco e que gostaria de ir pra lá, porque a família mora próximo e a namorada também, além de ter condições de jogar mais tempo e com um salário melhor. Conversei com o Fernando Penna e resolvemos dispensá-lo. A saída foi tranquila, a gente agradece ao atleta pela forma que tudo foi resolvido”, declarou Tamião.

Publicidade

Com a saída dos três atletas, dois jogadores do time sub-17 subiram para equipe profissional. São eles os pivôs Augusto e Dhomini.

De acordo com Marcelo, os atletas da base que foram integrados já vinham demostrando um bom nível nas competições e em treinamentos.

“São dois garotos que vinham jogando nas nossas categorias de base e foram muito bem, em alguns treinos no adulto fizeram um bom papel. Conversamos com o técnico da base e com o Penna, e resolvemos inscrevê-los no NBB.

Sendo assim, o elenco do Leão conta agora com: os pivôs Gerson, Ansaloni, Lucão, Augusto e Dhomini, os alas Pastor, Enzo Ruiz, Baxley, Pedro Teruel e Bruno Fornazari, os armadores Sahdi, Figueroa e Jeferson Campos.

Vale destacar que o prazo para inscrições de atletas no NBB já se encerrou. Apenas atletas da base podem ser integrados ao elenco.

Mais em Esportes: