Quase 500 pessoas participaram das duas audiências públicas realizadas pela prefeitura de Rio Claro nos dias 12 e 30 de agosto para discutir o texto de revisão do Plano Diretor. A primeira audiência reuniu mais de 314 pessoas e, a segunda, 160.

“Os cidadãos tiveram ampla condições de se manifestarem a respeito deste documento de grande importância para o dia a dia da cidade”, observa o prefeito Gustavo.

No primeiro semestre deste ano a prefeitura organizou 14 encontros em bairros e distritos para apresentar a proposta de atualização do plano diretor e receber contribuições da população. Também foram feitas 24 reuniões externas, nas quais compareceram representantes de diversos segmentos e entidades locais.

“O texto passará por novos ajustes para incorporar contribuições recebidas nas audiências e será, então, encaminhado para avaliação e votação na Câmara Municipal”, explica Mônica Ferreira, coordenadora da equipe de atualização do plano diretor.

A equipe de revisão irá verificar se os requerimentos apresentados têm coerência com a proposta apresentada e, a partir disto, incorporar na minuta do texto aqueles que têm justificativa técnica.

De acordo com a prefeitura, o resultado desse planejamento é um plano que identifica as vocações, os problemas e as potencialidades da cidade e define ações para organizar os seus espaços. O objetivo é garantir uma Rio Claro mais justa, segura, acessível, sustentável e resiliente.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Nove estados anunciam Lei Seca para domingo

Aneel mantém bandeira tarifária verde para outubro