Prefeitura contrata empresa que executará construção de ciclovia no canteiro central da Avenida Visconde e Avenida Tancredo Neves. Obra custará R$ 5,2 milhões

Prefeitura contrata empresa que executará construção de ciclovia no canteiro central da Avenida Visconde e Avenida Tancredo Neves. Obra custará R$ 5,2 milhões

A Prefeitura de Rio Claro contratou na última semana a empresa que executará as obras de construção e implantação da ciclovia no canteiro central da Avenida Visconde e Avenida Tancredo Neves, num total de 4,6 quilômetros. O valor da obra foi fechado em quase R$ 4,3 milhões e o contrato foi assinado com a construtora Rodrigues e Penteado. A intervenção vai ligar os trechos da Avenida 32, em frente ao Lago Azul, até a Chácara Lusa, na região sul, por meio do dispositivo para ciclistas.

De acordo com o titular da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, diante do alto movimento deste fim de ano no trecho, a pasta planeja emitir a ordem de serviço em breve para que as obras se iniciem em janeiro e sejam intensificadas. “Estamos conversando com a construtora para fazer alguns reparos nos cruzamentos onde o canteiro está com buracos e na sequência irá iniciar pelo Lago Azul e dar sequência. Estamos com trânsito intenso devido às festividades e essas obras requerem maquinários no local. Vamos fazer as correções ainda este ano e logo após a virada pegaremos firme na execução”, comenta Paulo Paulon. O prazo de contratação está previsto em 14 meses.

Outra grande obra também é prevista para o trecho da Avenida Visconde nos cruzamentos com as Avenidas 4, 6 e 8, além da Rua 9. Esse serviço vai compreender infraestrutura para drenagem de águas fluviais e pavimentação asfáltica, reforço hidráulico das galerias, entre outros. Essa intervenção tem como finalidade, conforme o JC noticiou recentemente, minimizar os efeitos dos alagamentos no trecho da longa avenida, que se estende também para a Avenida Tancredo Neves chegando ao Jardim Inocoop.

Anteriormente, a Prefeitura Municipal informou que as intervenções no trecho compreendem o prosseguimento dos serviços como a troca de semáforos, equipamentos que agora são inteligentes, com contadores regressivos. Além disso, todo o cabeamento da via será subterrâneo e projeto paisagístico inclui nova arborização e ampla acessibilidade. Ainda, que essa ciclovia a ser construída no sistema viário do município vai ampliar em 57% a extensão dos atuais sete quilômetros de ciclovia existentes em Rio Claro. Além de ciclovias, a cidade conta ainda com cerca de 35 quilômetros de ciclofaixas.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.