Com a grande quantidade de obras de recapeamento asfáltico que a prefeitura de Rio Claro está realizando em todas as regiões do município, os motoristas devem redobrar a atenção. Alguns trechos recém-recapeados podem ficar momentaneamente sem a pintura de solo.

“Isso pode acontecer por vários motivos, como chuvas, um recapeamento concluído no final do dia ou a necessidade de um período maior para secagem da massa asfáltica antes de se fazer a nova pintura de trânsito”, explica Vítor Caparrotti, da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana e Sistema Viário.

Caparrotti ressalta que, em casos de sinalizações como a de “Pare”, as vias possuem as placas de trânsito para orientar os condutores. “Mesmo assim, sempre trabalhamos para recompor a pintura de solo o mais rápido possível, e reforçamos a necessidade de colaboração dos motoristas para um tráfego seguro nos trechos recém-recapeados”, conclui.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Programa combate lentidão na abertura de empresas

Jucielen vence bicampeã nos EUA