Livro para colorir ajuda a diminuir estresse em adultos e vira best-selller

144

Fabíola Cunha

Com desenhos refinados, os livros pedem atenção e dedicação daqueles que colorem as ilustrações com motivos diversos (Imagem: reprodução)
Com desenhos refinados, os livros pedem atenção e dedicação daqueles que colorem as ilustrações com motivos diversos (Imagem: reprodução)

Livros para colorir. Em princípio, um item indispensável para quem tem filhos pequenos, mesclando distração e educação, porém recentemente houve um surgimento e obras diversas voltadas para os próprios adultos. Mais do que interesse em arte ou em reviver a infância, os livros passaram a atender um público de “estressados” em busca de alívio.

A psicóloga Adriana Rubio Wodewotzki explica qual é o apelo desses livros: “Quando praticamos uma atividade manual, ocupamos nossa mente com a intenção de realizar algo concretamente. Nossa atenção se envolve na atividade prazerosa e se desliga do mundo a volta, como se ‘mergulhasse’ num mundo à parte, possibilitando ‘dar um tempo’ dos problemas”, diz.

Apesar do interesse pelas publicações, o uso do desenho e da pintura como terapia não é recente. Segundo Adriana, a Arte Terapia passou a ser difundida no país na década de 40 do século passado, com a iniciativa da médica psiquiatra Nise da Silveira e de um artista plástico junto aos pacientes de um hospital psiquiátrico.

“A pessoa que faz uso da expressão artística de forma livre de cobranças externas ou internas vivencia o prazer de poder se expressar livremente, reproduzindo conteúdos que, muitas vezes, nem mesmo ela tem consciência”, avalia a psicóloga.

Títulos como “Jardim Secreto – Livro de Colorir e Caça ao Tesouro Antiestresse”, da ilustradora escocesa Johanna Basford, já venderam milhões de exemplares mundo afora e a transformaram em milionária.

A publicação, lançamento da Editora Sextante, tem 96 páginas com desenhos dos mais variados jardins – todos em branco, esperando que o leitor pare e dê cor às paisagens.

Também estão em destaque livros de mandalas (símbolo de integração e harmonia) para colorir, com destaque para a série “Mandalas de Bolso”.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: