O mês de junho tem início e nele uma data muito importante é comemorada: o Dia Mundial do Doador de Sangue (14 de junho). E é exatamente neste mês, quando as temperaturas começam a cair, que as doações também tem declínio e os bancos de sangue veem uma queda nos estoques. Esta é a temporada de doenças respiratórias e também quando as pessoas menos saem de casa. Exatamente por isso e para mudar essa realidade foi criada a campanha Junho Vermelho, com o objetivo de alertar para a importância de fazer a doação mesmo nesta época do ano.

Em Rio Claro o Banco de Sangue funciona na Santa Casa e atende às segundas, quartas e sextas das 7h às 11h. É importante agendar através dos telefones (19) 3535-7000 / (19) 9.9288-9737. A coleta da bolsa de sangue dura em torno de 40 minutos. É importante frisar também que o voluntário, caso seja empregado, ao doar recebe um atestado que abona o dia de trabalho. Um levantamento dos profissionais aponta que, de acordo com a demanda utilizada por pacientes, o ideal seria que nos dias de coleta das bolsas pelo menos 25 doadores comparecessem ao local.

Como doar

Para doar, é preciso ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos. Para menores de 18, é necessário o consentimento dos responsáveis.
O doador precisa pesar mais de 50 kg e levar documento de identidade original, com foto recente. Outras recomendações essenciais são: não pode estar gripado, resfriado, em processo alérgico ou infeccioso, não pode ser alcoolista crônico, ter sido exposto a doenças sexualmente transmissíveis, não pode ter realizado endoscopia ou colonoscopia há menos de seis meses e nem ter feito tatuagem, maquiagem definitiva e piercing há menos de 12 meses.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Sobrevivente de Orpinelli refaz a vida e lança projeto

Chega às bancas a nova JC Magazine