Lucas Calore

Um novo caso de confusão envolvendo jovens na Rua 1, em frente ao terminal de ônibus urbano, na Estação Ferroviária, foi registrado na noite de sábado (23). O repórter Bidu esteve no local na manhã desta segunda-feira (25) e falou ao vivo para o Jornal da Manhã, da Rádio Excelsior Jovem Pan SAT 1.410 sobre o ocorrido.

Por volta das 22h do sábado, a Polícia Militar fez um bloqueio no local para evitar que os jovens, muitos menores de idade, praticassem atos de vandalismo. Bombas de gás lacrimogêneo foram soltas para dispersar esse público, que jogou garrafas e copos de vidro contra a PM.

Muitos comerciantes da região fecharam seus estabelecimentos no momento para evitarem maiores problemas. Não foi registrado nenhum ato contra esses comerciantes e nem contra os motoristas da frota da Rápido SP.

Para ouvir o relato na íntegra, basta clicar no player abaixo. Novas informações você confere na edição impressa do JC nesta terça-feira (26). 

OCORRÊNCIAS

Vale lembrar que os famosos “rolezinhos” já causaram outras ocorrências para a Guarda Civil Municipal. Em janeiro, a intenção de um grupo de jovens de organizar o encontro no interior do Shopping Rio Claro foi frustrada por uma decisão judicial e também pela presença maciça da Polícia Militar e Guarda Civil Municipal nas imediações do local.

Quando o shopping já havia fechado, um grupo de cerca de 40 jovens se dirigiu até a Rua 1 com a Avenida 7 e lá tentou bloquear a passagem dos veículos. Diante disso, a Guarda Civil Municipal precisou agir para dispersar o grupo, mas sem maiores incidentes.

 

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Segurança:

Governo de SP autoriza atividade delegada para policiais civis

Quase 900 soldados tomam posse na Polícia Militar

Furto de veículo é flagrado por câmeras de segurança