O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que o início de novembro será de “frio intenso e atípico” em quatro das cinco regiões do país. As temperaturas mais baixas estão previstas para o Sul. A “queda brusca” das temperaturas se deve à passagem de uma frente fria que vem seguida de uma “forte massa de ar de origem polar”.

As previsões sugerem que, a partir da próxima segunda-feira (31), o frio chegará no Rio Grande do Sul e em parte de Santa Catarina, avançando, na sequência, por todo o território catarinense, para então avançar pelo Paraná, pelo centro-sul do Mato Grosso do Sul e em parte de São Paulo. “A previsão indica, no início da próxima semana, queda em torno de 15°C na Região Sul”, informou o Inmet.

Entre os dias 31 de outubro e 1º de dezembro há uma pequena possibilidade de neve na região compreendida entre o planalto sul catarinense e os Aparados da Serra, no Rio Grande do Sul. Paralelamente, a massa de ar frio continuará se deslocando para o Sudeste, Centro-Oeste e Norte do país.

“O sul dos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Mato Grosso, Goiás e Amazonas também vão registrar baixas temperaturas, assim como todo o Rio de Janeiro”, detalha o Inmet. “A massa de ar frio deve atuar no Brasil até o fim da próxima semana, com possibilidade de temperaturas negativas e geadas até quinta-feira (3), principalmente, nas áreas mais altas da Região Sul”, acrescentou.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Prefeitura faz recapeamento em novo trecho do Cidade Jardim

Produtos da ceia de Natal sobem quase 10% no Brasil

Vacinação nesta sexta-feira é das 7h30 às 10h30