Foto – Divulgação Polícia Federal

A Polícia Federal cumpriu na manhã desta quarta-feira (21), em Rio Claro, mandado de busca e apreensão no combate ao compartilhamento, produção e posse de imagens e vídeos com conteúdo de abuso sexual infantojuvenil. O mandado foi expedido pela 3ª Vara da Justiça Federal de Piracicaba.

Durante o cumprimento da ordem judicial foi apreendido um notebook. A busca foi realizada pela equipe técnica na residência do investigado, sendo localizados arquivos categorizados como de natureza pedopornográfica.

O indiciado foi conduzido à Delegacia de Polícia Federal em Piracicaba por conta da comprovação da posse do material e autuado em flagrante pelo crime de adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente.

Se condenado, poderá cumprir penas que variam de 01 a 04 anos de reclusão por armazenamento, somada a penas que variam de 03 a 06 anos, se comprovado o compartilhamento dos arquivos.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Saúde orienta sobre meningite meningocócica

Nesta sexta-feira termina a campanha de vacinação contra a pólio