Em entrevista à rádio Jovem Pan News de Rio Claro, o gestor da Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade-Feena, Rodrigo Campanha, informa que o incêndio que começou no domingo consumiu uma área de mais de 50 hectares. No ano passado, o fogo consumiu cerca de 30 hectares, o que pode fazer com que 2020 tenha uma destruição maior que a registrada nos últimos dois anos no antigo horto florestal.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

“Dengue 100 Dúvidas” é lançado pelo Governo de SP

Idoso desaparecido em Anápolis (GO) é localizado em Rio Claro

Escola infantil Vô Chico promove caminhada contra a dengue