Arma calibre 380 utilizada por sargento

Carine Corrêa

IMG_0500
Arma calibre 380 utilizada por sargento

O caso envolvendo um ex-sargento militar de Rio Claro que atirou na própria esposa na tarde de hoje (25) teve um fim trágico: a Polícia Militar confirmou que a mulher faleceu há poucos minutos na UPA 24 horas situada na Avenida 29.

As primeiras informações repassadas eram de que que o tiro havia atingido a mulher de raspão. A informação oficial é que o disparo atingiu o abdômen da enfermeira. Ela teria passado por cirurgia mas não resistiu aos ferimentos. O aposentado será encaminhado ao Presídio Militar Romão Gomes em São Paulo, segundo informações da PM. O motivo teria sido passional.

Novas informações serão atualizadas em breve. A matéria na íntegra você confere na edição impressa do JC nesta quinta-feira (26).

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Notícias:

Rio Claro vacina contra a Covid nesta 6ª-f a partir das 7h30

Princesa Victoria ganha consultório odontológico