Folhapress

O Maranhão terá o horário de votação estendido devido às filas nas sessões eleitorais. Segundo o secretário de tecnologia da informação e comunicação do TRE-MA, Gualter Lopes, ainda há zonas eleitorais na capital e no interior com votação em andamento.

“Teremos votação depois das 17h por causa das filas. O eleitor presente às sessões eleitorais antes do horário final tem esse direito garantido. No entanto a previsão é que as 17h30 já teremos uma parcial”, disse.

O Rio Grande do Norte registra média de duas horas de espera nas filas para votação. Em razão da demora, o Tribunal Regional Eleitoral estima o início da apuração dos votos a partir das 17h30 e a divulgação dos resultados por volta das 21h.

A expectativa é que os trabalhos estejam encerrados em todas as seções até 18h, segundo o presidente do TRE-RN, Cornélio Alves.

Em Alagoas, o resultado total das eleições deve atrasar por conta das filas. Segundo o TRE, o pleito aconteceu de forma tranquila, sem casos de violência e ninguém foi preso.

No Acre a votação vai se estender além das 15h local (17h horário de Brasília).

Em mais de vinte e cinco sessões, na capital e no interior, segundo o TRE, ainda há eleitores na fila aguardando para votar.

O atraso aconteceu por causa da lentidão na votação ao longo do dia.

Nestas sessões, os mesários distribuiriam senhas para os eleitores que estacavam não fila. Quem chegou após as 15h não poderá votar.

No Acre, 14 pessoas presas. Em Rio Branco, o candidato a deputado estadual Francineudo Costa (União Brasil) foi preso em flagrante com R$ 2.300 próximo a uma urna quando aliciava eleitores. Ele foi conduzido à sede da PF, prestou depoimento e continua detido.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Política:

Maioria do eleitorado de Rio Claro possui ensino médio completo

Confirmada visita de Bolsonaro a Piracicaba neste sábado