Mais de 18 mil quilos de tampinhas, 47 cadeiras de rodas, 15 cadeiras de banho e um triciclo. Esse é o balanço dos três anos de atividades do projeto criado pelo jovem rio-clarense Luiz Guilherme Silva, o Gui, que mobiliza a sociedade na arrecadação de tampinhas plásticas e lacres de alumínio. Nessa quinta-feira (13), o aniversário do projeto foi comemorado com um “pedágio” em que mais doações foram arrecadadas.

Ao longo de seus 25 anos de vida, o jovem Guilherme enfrenta as sequelas deixadas por uma paralisia cerebral que sofreu ao nascer. Apesar de todas as dificuldades, sempre acalentou o desejo de ajudar outros cadeirantes, e em 2019 colocou em prática a campanha para arrecadar as tampinhas, que posteriormente são vendidas e convertidas em cadeiras de rodas. O alcance hoje ultrapassa os limites de Rio Claro, com doações sendo arrecadadas até em outras cidades da região.

A comemoração dessa quinta-feira também teve um presente para o idealizador do projeto. Entre os equipamentos providenciados recentemente, a família decidiu providenciar um triciclo para que Guilherme possa participar de provas de corrida de rua.

Quem quiser colaborar com a campanha pode entregar suas tampinhas e lacres no ponto de coleta que funciona na Rua 2 número 1.692, entre avenidas 12 e 14, no Centro.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Fim de semana com diversidade climática em Rio Claro

Alunos fazem passeata contra a dengue no Grande Cervezão