Folhapress

Uma menina de 4 anos morreu após ser atingida por um explosivo que caiu no interior do cômodo em que ela dormia em uma casa no centro de Barretos (SP). O caso aconteceu no fim da tarde do último sábado (25), dia de Natal, e vitimou Aylla Manuella Ribeiro da Piedade.

Imagens de uma câmera de segurança mostraram o momento em que um adolescente de 14 anos joga o artefato em direção à casa da família, na avenida Amador Alves de Queiroz, Vila Gomes. Na sequência do vídeo, uma mulher sai da casa, tentando entender o que havia acontecido. A criança também aparece no colo de um homem, já ferida.

A menina foi levada pelo pai ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública), o caso foi registrado como ato infracional de lesão corporal culposa e comunicação de óbito pelo plantão da Seccional de Barretos e é investigado pelo 1° DP (Distrito Policial) da cidade.

A pasta informou que, após a morte da menina, um grupo danificou uma casa, supondo que fosse do suspeito de atirar o artefato. Em seguida, ao descobrirem o imóvel correto, atearam fogo. Não havia ninguém no local.

As duas ocorrências, registradas como dano ao patrimônio e incêndio, são investigadas pelo 3° DP de Barretos.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Segurança:

Desmanche de veículos é descoberto na Vila Nova

Boletim policial desta sexta-feira (30)