Na sessão da Câmara Municipal da última segunda-feira (4), o vereador Val Demarchi teve requerimentos aprovados por unanimidade com o intuito de obter informações da Prefeitura de Rio Claro sobre assuntos relacionados à segurança da comunidade. O vereador indagou a administração pública sobre o videomonitoramento implantado na cidade nos últimos anos através da instalação de câmeras, quantidade e funcionamento das mesmas.

Procurado pela reportagem do Jornal Cidade, o secretário de Segurança de Rio Claro esclareceu: “Atualmente o município tem 51 câmeras de videomonitoramento, sendo que deslas três encontram-se sem funcionar e 11 com baixa resolução. Sabemos que não é o ideal, porém não estamos de braços cruzados, mas sim trabalhando para melhorar tal realidade. O antigo contrato foi cancelado e agora faremos um novo onde a empresa que assumir terá total responsabilidade com a manutenção. Além disso a proposta é de ampliação. As atuais 51 câmeras serão trocadas por 80 novas. O processo está no início, já enviamos para a Central de Compras, onde será feita a parte burocrática para depois sair no Diário Oficial. Estamos otimistas em melhorar esse importante trabalho pois estas câmeras são fundamentais. Aguardamos também a chegada de R$ 500 mil, verba destinado pelo deputado federal Capitão Augusto que serão investidos em uma nova central de monitoramento da GGIM – Gabinete de Gestão Integrada Municipal, órgão da Guarda Civil responsável pelo gerenciamento do sistema de monitoramento”.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Papai Noel chega domingo no Parque Lago Azul