Foto – Base Armalite e Matheus Marconi

O 10º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (10º BAEP – Piracicaba) realizou em Itu/ SP, na sede da base ARMALITE, treinamento sobre atuação de atirador designado e pelotão de BAEP em ocorrências de “Domínio de Cidades” ou “Novo Cangaço”.

O Atirador Designado, segundo as novas diretrizes da PMESP, é o policial militar selecionado com base em características psicológicas, pessoais e profissionais que o indiquem para ser capacitado e habilitado à utilização de armamento específico, integrado a acessórios especiais, voltado à observação, reconhecimento e, eventualmente, execução do tiro preciso, com a finalidade de garantir a segurança e proteção do contingente policial-militar e da população em geral durante confronto direto com organização ou grupo criminoso.

O treinamento contou com a presença de quase 160 policiais alunos e mais 07 instrutores, entre eles o Cap PM Wohnrath, formado no curso de “Caçador Militar” no Exército brasileiro e ex-integrante do 10º BAEP, além de policiais federais e membros do GAECO Piracicaba.

Para o tenente-coronel PM José Antônio Golini Junior, “o conceito de atirador designado é novo na Polícia Militar (2021), mas fundamental para enfrentamento à criminalidade organizada envolvida com grandes roubos a instituições financeiras em nossa região. A unidade gestora do conhecimento na PM de São Paulo é a ROTA, que ministra cursos sobre o tema, e o 10º BAEP já possui integrante capacitado em tal curso, sendo certo que novos operadores especiais serão capacitados. O 10º BAEP é ferramenta de apoio aos batalhões da PM da região de Piracicaba, Rio Claro, Americana, Sumaré, Limeira, São João da Boa Vista e de sua população”.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Rio Claro confirma primeiro caso de dengue neste ano

Acidentes são registrados e motoristas apontam causa