Carine Corrêa

Prosseguindo com as entrevistas aos integrantes do primeiro escalão do novo governo municipal, nesta edição o JC traz os planejamentos da Secretaria de Cultura e da Secretaria de Educação para os próximos quatro anos em Rio Claro. Daniela Martinez Figueiredo Ferraz frisa que na Cultura pretende fazer a reforma de prédios históricos da cidade.

A nova secretária de cultura, Daniela Martinez Figueiredo
A nova secretária de cultura, Daniela Martinez Figueiredo

“A pasta irá atuar na valorização da produção cultural local, na reforma, restauro e manutenção dos prédios da Secretaria de Cultura. Iremos definir, planejar e executar políticas de cultura, implementar políticas, objetivando democratizar o acesso aos bens culturais e históricos do município, além de estabelecer a política de preservação e valorização do patrimônio histórico e cultural. Também elaboraremos o calendário cultural oficial de Rio Claro. O objetivo é divulgar programas, projetos, estatísticas e indicadores culturais; promover o desenvolvimento da produção artística e fomentar a preservação da memória, da história e dos valores culturais populares do município. Pretendemos organizar ou fazer parcerias em espetáculos e apresentações”, frisa.

Adriano Moreira, o novo secretário de educação
Adriano Moreira, o novo secretário de educação

Adriano Moreira, que já atua na direção da rede municipal, detalha qual será sua linha de atuação. “Penso que para 2017 o trabalho deve focar dois aspectos centrais: um é a melhoria da estrutura física e dos recursos necessários ao trabalho escolar. Isto demandará a elaboração de um diagnóstico detalhado da situação das 56 escolas municipais.

Ainda neste aspecto, daremos prosseguimento à elaboração do novo currículo integrado da educação básica e buscaremos cumprir metas estratégias do PME, cujos prazos já se extinguiram ou que estão para caducar.

O segundo aspecto a ser enfatizado é a ampliação do acesso à creche. Aqui a ideia inicial é buscar concluir as obras que estão paradas e buscar recursos junto ao governo estadual e federal, além de realizar um levantamento preciso sobre a demanda por creche, de modo a planejar as ações a médio e longo prazos”, disse.

PERFIS

Adriano Moreira que irá chefiar Secretaria de Educação é formado em pedagogia, mestre em Educação pela UNESP (Universidade Estadual Paulista) e diretor de escola na Rede Municipal de Ensino de Rio Claro. Daniela Martinez Figueiredo Ferraz, que vai assumir a Secretaria Municipal de Cultura, é promotora de ações culturais, bacharel licenciada e mestre pela Unesp de Rio Claro.