Rio-clarense expõe na bienal da UFRJ

104

Laura Tesseti

Marina Florindo
Marina Florindo

A rio-clarense Marina Florindo é artista plástica, formada em Artes Visuais com habilitação em Artes Gráficas pela Escola de Belas Artes da UFMG e atualmente expõe suas obras na Bienal da Universidade Federal do Rio de Janeiro e também faz parte das obras da galeria Orlando Lemos, em Belo Horizonte.

Sobre a vida na arte, a jovem de apenas 23 anos conta que começou cedo. “Minha história na arte começou muito cedo. Aos 7 anos comecei no ateliê de desenho e pintura com a Profª Vanderli, em Rio Claro/SP. Aos 13 fiz aulas de pintura no SESI, também em Rio Claro. Com 16 anos comecei o curso técnico em Design Gráfico pelo Centro Paula Souza em Leme/SP, onde me aproximei das artes gráficas. Com 17 anos me mudei para Belo Horizonte para estudar Artes Visuais na UFMG”, conta.

Marina conta que trabalha pesquisas plásticas em poéticas urbanas. “Minhas obras transitam em diversas linguagens, principalmente a pintura, fotografia e artes gráficas, todas com a temática voltada para as paisagens da cidade.”

Os planos da artista plástica é continuar suas pesquisas em poéticas urbanas, conseguir ingressar no mestrado em poéticas visuais e realizar uma exposição individual.

Série “O que eu vejo” - Intervenção urbana de Marina Florindo sobre o espaço urbano realizado em Belo Horizonte, capital mineira, nos anos de 2013 e 2014
Série “O que eu vejo” – Intervenção urbana de Marina Florindo sobre o espaço urbano realizado em Belo Horizonte, capital mineira, nos anos de 2013 e 2014

Qual sua opinião? Deixe um comentário: