Criança toma vacina contra a paralisia infantil (poliomielite) em unidade de saúde (foto Agência Brasil)

Ednéia Silva

A campanha de vacinação contra a paralisia infantil começa no próximo sábado (15) em todo o país para crianças de zero a menores de cinco anos. Em Rio Claro, a vacina estará disponível em todas unidades de saúde, básicas e da família. Mas os pais e responsáveis devem ficar atentos.

É preciso levar a caderneta de vacinas das crianças para que seja feita a atualização. O documento será exigido principalmente para as crianças com menos de um ano de idade. Para esse público, a vacina não será aplicada sem a apresentação da caderneta.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Rio Claro, Eli Aparecida de Jesus, explica que a medida é necessária para verificar se a criança tomou todas as doses necessárias da vacina. Segundo ela, para se proteger contra a poliomielite são aplicadas três doses de vacina, sendo as duas primeiras injetáveis, que devem ser tomadas aos dois meses e aos quatro meses de idade. Somente a terceira é aplicada por via oral. Porém, para tomar a gotinha é preciso ter tomado as duas primeiras doses. A caderneta de vacina será utilizada para conferir a aplicação dessas doses.

Eli conclama os pais a levarem as crianças aos postos de vacinação para se imunizar contra a paralisia infantil. De acordo com ela, o Brasil está livre da doença, mas outros continentes ainda têm o vírus em circulação.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia: