Mulher assassinada com 14 tiros é identificada pela Polícia Civil

239

Carine Corrêa

A Polícia Civil de Rio Claro identificou a mulher que foi assassinada com 14 tiros. Seu corpo foi encontrado na zona rural de Rio Claro na manhã do dia 4 deste mês, na Estrada do Sobrado. Vítima foi identificada como Juliana Ferreira de Carvalho, de 23 anos.

“O motivo possivelmente seja dívida de drogas. Quanto aos suspeitos, estão sendo investigados”, informou o delegado Alexandre Della Coletta, que chefia a Delegacia de Investigações Gerais (DIG).

O crime

No lugar onde estava o corpo, em uma mata, havia 16 disparos deflagrados de uma arma de calibre 9 milímetros. A mulher estava com quatro perfurações na cabeça e dez nas costas. Segundo a PM informou na oportunidade, não havia com ela documentos de identificação ou objetos pessoais.

1 COMENTÁRIO

  1. As caixas de comprimido para parar de fumar a Policia não encontrou; faz tempo que naquele setor vendem comprimidos anti-tabagismo com média de preço R$800,00 reais. Tudo importado, coisa de primeira; sucesso mundial.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: