Movimento nas rodovias da região aumentam no feriadão

51

Divulgação

O movimento nas estradas deve aumentar a partir desta quarta-feira (8), por causa do feriado do Dia da Revolução Constitucionalista, comemorado em 9 de julho no Estado de São Paulo.

As concessionárias de rodovias paulistas farão operações especiais durante o fim de semana prolongado. A previsão é que o tráfego de saída fique intenso na quarta-feira (8), das 16h às 23h, e das 5h às 14h, da quinta-feira. Já o retorno deve movimentar um maior número de veículos das 14h às 22h do domingo.

Durante o feriado, mais de 2,8 milhões de veículos devem circular pelas rodovias concedidas paulistas que têm acesso à Região Metropolitana de São Paulo. A ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) alerta sobre os cuidados em caso de neblina, fenômeno comum nessa época do ano. Quando a visibilidade for prejudicada, o motorista deve reduzir gradualmente a velocidade e manter aceso o farol baixo – tanto de dia quanto à noite. Nunca deve parar na pista ou ligar o pisca-alerta com o veículo em movimento.

Também está previsto o aumento no número de guinchos, ambulâncias e veículos operacionais em geral, além da realização da operação “papa-fila” nos pedágios para facilitar a passagem nas cabines de cobrança manual, quando necessário. Os sites das concessionárias terão disponíveis, em tempo real, as condições de tráfego do trecho administrado da rodovia.

No Sistema Anhanguera-Bandeirantes, a previsão é de 880 mil veículos. O movimento deve ser maior na quarta-feira, das 15h às 19h, e na quinta-feira, das 9h às 13h. No domingo, a previsão é de tráfego intenso das 12h às 21h.

Na quinta-feira e no domingo, os caminhões que vão pela Rodovia dos Bandeirantes sentido capital devem utilizar a Anhanguera no trecho do km 48 ao km 23, entre Jundiaí e São Paulo, com acesso pela saída 48.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: