Os jovens estudantes do Alem fizeram várias intervenções na escola, a fim de prevenir o aparecimento do mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a dengue, febre chikungunya e zika vírus (Foto: Bruno Leite)

Lucas Calore

Os jovens estudantes do Alem fizeram várias intervenções na escola, a fim de prevenir o aparecimento do mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a dengue, febre chikungunya e zika vírus (Foto: Bruno Leite)
Os jovens estudantes do Alem fizeram várias intervenções na escola, a fim de prevenir o aparecimento do mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a dengue, febre chikungunya e zika vírus (Foto: Bruno Leite)

Alunos de Rio Claro são finalistas nacionais no concurso de vídeo “Pesquisar e Conhecer para Combater o Aedes aegypti”, lançado no primeiro semestre pelo Ministério da Educação.

Classificados em primeiro lugar no estado na categoria escola particular do ensino médio, os jovens do Colégio Alem agora dependem de votação popular para vencer a classificatória.

Publicidade

O trabalho

Os estudantes Laura Sacomano, de 16 anos, Gabriela Serrano, de 18, e Guilherme Martinez, de 17 anos, reuniram-se com o professor Bruno Leite, sob orientação da coordenadora Cristini A. M. Baptista, para produzir um vídeo para o concurso.

“O objetivo foi mostrar como praticaram a prevenção no próprio colégio, fazendo intervenções na estrutura da unidade e despertando a atenção da população para a realização de ações semelhantes”, explica o professor Bruno.

Conscientização

O trabalho dos jovens foi gravado e editado em equipe, e mostra o que fizeram na escola e também em locais da cidade, como o Jardim Público. “O que fizemos é para conscientizar as pessoas de não se esquecerem de prevenir, pois o mosquito está aí”, conta a estudante Laura sobre a mensagem do vídeo.

A votação

O grupo já terá uma nomeação na Secretaria Estadual de Educação em São Paulo e, caso ganhe a etapa nacional, deverá ir a Brasília para receber o prêmio. Eles contam com a votação de todos os rio-clarenses para levarem o nome da cidade à capital do país.

Para assistir ao vídeo e votar, basta acessar o site www.zikazero.mec.gov.br/juri-popular, clicar em “Ensino Médio – Modalidade Privada” e usar um e-mail para confirmar o voto no vídeo “Zika Zero, Porque Prevenir é Sempre Melhor”.

Mais em Notícias: