ATÉ ENCONTRAR: amor de mãe mobiliza Maria Corraini a procurar pelo filho desaparecido há pelo menos três anos

Carine Corrêa

ATÉ ENCONTRAR: amor de mãe mobiliza Maria Corraini a procurar pelo filho desaparecido há pelo menos três anos
ATÉ ENCONTRAR: amor de mãe mobiliza Maria Corraini a procurar pelo filho desaparecido há pelo menos três anos

Maria Aparecida Corraini procura pelo seu filho desde 2011. Nessa quinta-feira (19), ela esteve em Rio Claro após receber uma ligação informando que um homem com as mesmas características de Silvio Cesar Corraini estaria circulando pelo bairro Santa Cruz.

Assim que embarcou para a cidade azul nesta quinta-feira, ligou para Doroty Boveri, uma senhora de 69 anos – moradora da Vila Olinda – que desde que soube da busca de Dona Maria, se comoveu pela história. “Não tenho filhos, mas não pude deixar de me envolver pela drama da Maria. É uma verdadeira história de amor de uma mãe pelo seu filho”, disse.

A reportagem do JC acompanhou durante todo o dia a procura de Maria pelo homem com características semelhantes a de seu filho. A informação repassada era que, em uma casa abandonada na Avenida 18, com as Ruas 7 e 8, estaria habitando o seu filho Silvio Cesar Corraini. Dona Maria contou com o auxílio de Doroty, Gilmar Leriano e Ana Maria, além de outros voluntários do bairro que se comoveram pela história da mãe e pela expectativa de que, na casa abandonada, estaria Silvio. A Guarda Civil Municipal foi acionada para dar apoio nesta operação. No entanto, o alarme era falso. O homem que habitava o imóvel não era Silvio Corraini.

Ainda sim, Maria Corraini acredita que o filho esteja na região de Rio Claro por alguns motivos. No ano passado, ela decidiu procurar por mais informações de Silvio na Delegacia de Peruíbe. Lá, foi informada de que o filho registrou um boletim de ocorrência por perda de documento pessoal na delegacia de Rio Claro. “Eu já esperava pelo pior, mas aí recebi essa informação da Polícia de Peruíbe. Me informaram que o boletim foi feito em outubro de 2012. No mesmo mês daquele ano ele também teria passado pela UPA aqui de Rio Claro com ferimentos no braço”, disse. Silvio também teria viajado para Araras naquele ano.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia: