Câmara rejeita segundo pedido de denúncia contra Juninho

985

A Câmara Municipal de Rio Claro rejeitou na noite desta segunda-feira (29) a petição protocolada na última semana para a instauração de uma Comissão Processante que visaria investigar denúncias contra o prefeito João Teixeira Junior.

Conforme o JC noticiou, o mesmo autor do primeiro pedido – que acabou arquivado há duas semanas – argumentou no documento sobre o uso do recurso da “taxa de iluminação” em outros setores, como na Saúde.

Também, que canais institucionais do Poder Executivo fizeram uso de propaganda partidária do Democratas, partido do prefeito. Além de citar, ainda, sobre o impedimento do trabalho dos vereadores através de supostas ameaças de secretário municipal contra os parlamentares pelo arquivamento da primeira petição.

Votaram pelo arquivamento do segundo pedido:

Ney, Adriano, Seron, Paulo, Hernani, Júlio, Geraldo, Carol e Irander

Votaram pelo recebimento do segundo pedido:

Maria, Rogério, Thiago, Anderson, Yves, Luciano e Rafael

Mais informações você confere em reportagem completa na edição impressa do JC nesta terça-feira (30)

Qual sua opinião? Deixe um comentário: