Viajantes em férias devem tomar vacina contra a febre amarela

81

Município

Vacina contra a febre amarela deve ser aplicada no mínimo dez dias antes da viagem, a fim de garantir a proteção (foto ABr)
Vacina contra a febre amarela deve ser aplicada no mínimo dez dias antes da viagem, a fim de garantir a proteção (foto ABr)

O período de férias é uma época importante para atualizar a caderneta de vacinação. Para quem vai viajar dentro do país, é essencial conferir se os esquemas vacinais estão completos para a idade, pois algumas regiões são endêmicas para a febre amarela.

De acordo com a Vigilância Epidemiológica, a vacina contra febre amarela deve ser tomada pelo menos 10 dias antes da viagem. Para saber se a região a ser visitada é endêmica, basta entrar em contato com uma das unidades básicas de saúde do município.

Quem vai viajar para o exterior precisa verificar se o país de destino recomenda ou exige alguma vacina. “Há casos de sarampo em muitos países da Europa, portanto é recomendado estar com a carteira em ordem. A vacina contra a febre amarela também é exigência de vários países”, comenta a VE.

Nesse caso, é preciso fazer a internacionalização da dose em um dos aeroportos internacionais ou em locais que possuem autorização da Anvisa para emitir a carteira internacional. “A cidade mais próxima que realiza essa atividade é São Carlos, mas é necessário pré-agendamento”, esclarece.

A VE destaca ainda que alguns países estão com epidemia da febre chikungunya, para a qual não existe vacina. Dessa forma, o viajante deve usar repelentes para afastar o mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. A vacina contra a febre tifoide também é muito importante. Ela deve ser tomada quando se vai para regiões com saneamento básico precário.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: