Vereador Nucci morre vítima de câncer em Araras

634

Ramon Rossi

O vereador afastado da Câmara Municipal de Araras, Francisco Nucci Neto (PR) morreu na tarde de segunda-feira (22), na Santa Casa de Misericórdia de Araras. O velório será na Biblioteca Municipal “Martinico Prado”.

Nucci tinha 68 anos e estava afastado do cargo de vereador desde de abril de 2018, quando se licenciou do poder Legislativo para cuidar da própria saúde. Desde então, o suplente Felipe Dezotti Beloto (PR) é quem está no cargo.

Quem era Nucci?

Francisco Nucci Neto, popularmente conhecido como Dr. Nucci, nasceu em Leme, no dia 27 de abril de 1950. Mudou-se para Araras com 9 anos de idade, onde completou os estudos primário e secundário.

Na juventude, foi morar em São Paulo, onde se formou em química industrial. Em 1972 começou a cursar a Faculdade de Medicina em Catanduva onde se graduou médico e logo integrou residência médica em cirurgia do aparelho digestivo e endoscopia digestiva em Ribeirão Preto no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – USP e na Santa Casa de Ribeirão Preto.

Retornou para Araras em 1980, desde então passou a atender como médico cirurgião na Santa Casa de Misericórdia de Araras e no Hospital da Unimed, tendo inclusive, ocupado cargos de direção em ambos hospitais.

Casado, pai de três filhos e avô de quatro netos, iniciou sua carreira política filiando-se ao PMDB em 1999, sendo que em sua primeira eleição em 2000 foi eleito vereador com 1.157 votos. Durante este mandato, foi eleito também Presidente da Câmara no biênio 2003 e 2004.

Em 2004, disputou e venceu eleição como vice-prefeito, onde exerceu de 2005 a 2008. Entre 2010 e 2011 ocupou o cargo de secretário da Saúde.

Em 2012 foi eleito novamente vereador com 1.956 votos, tendo feito parte da Mesa da Câmara no biênio 2013 e 2014, ocupando o cargo de secretário de Saúde. Em 2016 filiou-se ao PR e foi eleito para o seu terceiro mandato de vereador.

Como representante da sociedade ararense e do poder Legislativo municipal sempre desempenhou a função de vereador visando à melhoria da qualidade de vida da população e o progresso do município de Araras. Foi autor de muitos projetos e um exímio fiscalizador dos atos do Executivo, principalmente em relação à administração e gastos com o orçamento.

Na vida pública, sempre atuou com prioridade em ações voltadas a saúde, segurança pública, programas habitacionais, meio ambiente, educação e geração de emprego.

Câmara e Prefeitura em luto oficial

Por determinação da presidência, a sessão ordinária desta segunda-feira (22), foi adiada para amanhã, terça-feira (23) às 19h, com a realização do Ato Solene ‘Policial Destaque’, no Plenário “Bruno Moysés Batistela”, na Câmara Municipal de Araras.

O Prefeito, Rubens Franco Júnior (DEM), determinou luto oficial de três dias. “Considerando que se tratava de um homem público, com índole e caráter inabalável, cuja trajetória de vida foi marcada por serviços importantes prestados à população e à cidade de Araras, tendo assumido os honrosos cargos de Vereador, Presidente da Câmara Municipal de Araras, Vice-Prefeito e Prefeito, fica declarado luto oficial nos dias 22, 23 e 24 de abril”, publicou em decreto o chefe do Executivo.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: