Presidente interino da Câmara anula votação do impeachment

66

Da Redação

Presidente interino da Câmara assinou decisão neste segunda-feira (9)
Presidente interino da Câmara assinou decisão neste segunda-feira (9)

Waldir Maranhã (PP-MA), assinou na manhã desta segunda-feira (9), a decisão para anular a tramitação do impeachment de Dilma Rousseff, no Congresso.

Segundo o que foi divulgado pela mídia nacional e em nota, o presidente interino da Câmara diz que a petição da Advocacia Geral da União ainda não havia sido analisada pela Casa e que, ao tomar conhecimento, resolveu acolher o pedido. Na decisão, ele argumenta “ocorreram vícios que tornaram nula de pleno direito a sessão em questão”.

Mais informações ao longo do dia e também na edição impressa desta terça-feira (10), do Jornal Cidade.

1 COMENTÁRIO

  1. **Este e um monocrata**manipulado*pelo .p.t>> que não tem noção, e muito menos respeito , pela soberania do parlamento!!!a câmara dos deputados, seguiu na integra o regimento interno da casa >>assinou esta decisão isoladamente sem consultar, ninguém,atropelando a decisão da maioria dos deputados que foi de** 367 ***deputados!!que decidiram a **favor** do impedimento da presidente Dilma!!!!!este decisão monocrática!!já nasceu morta sem efeito,ignorada pelo senado federal que deu prosseguimento normal ao pedido impedimento da presidente Dilma!!!!

Qual sua opinião? Deixe um comentário: