Rio Claro tem meta de vacinar 9 mil crianças contra a pólio

647

A partir das 8 horas desse sábado (4), em Rio Claro, as unidades básicas de saúde e unidades de saúde da família estarão abertas para o primeiro dia da campanha de vacinação contra a poliomielite. Nos postos de vacinação também serão aplicadas as vacinas tríplice viral (contra sarampo, caxumba e rubéola) e a segunda dose da tetra viral (contra sarampo, caxumba, rubéola e varicela).

O Dia D de Vacinação marca o início da campanha em todo o País, que se estenderá até 31 de agosto. Nesse sábado as unidades permanecerão abertas das 8 às 17 horas. Os endereços das unidades de saúde podem ser consultados no site www.saude-rioclaro.org.br/enderecos.htm.

Pólio

Seguindo determinação do Ministério da Saúde, deverão ser vacinadas contra a poliomielite apenas crianças de um a quatro anos, 11 meses e 29 dias. Em Rio Claro, 9.079 crianças devem ser vacinadas, conforme informou o Ministério da Saúde à Vigilância Epidemiológica do município, vinculada à prefeitura por meio da Secretaria de Saúde.

Tríplice e tetra virais

Ainda de acordo com instruções do Ministério da Saúde, a vacina tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) deverá ser aplicada em crianças com um ano de idade. A segunda dose, tetra viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela), deverá ser administrada em crianças com um ano e três meses de idade. Dessa forma, segundo a Vigilância Epidemiológica de Rio Claro, a criança já estará imunizada contra essas doenças, não necessitando tomar mais doses dessas vacinas.

Adultos

Também a partir desse sábado, adultos que possuam apenas uma dose ou nenhuma da vacina tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) deverão procurar uma das unidades de saúde para a atualização da carteira de vacina.

Doenças

Conhecida “paralisia infantil”, a poliomielite causa paralisia que começa de forma repentina e pode afetar desde as pernas até o corpo inteiro, comprometendo até a respiração. O vírus foi erradicado no Brasil na década de 90. A contaminação da doença ocorre por contato fecal-oral, por objetos, alimentos e água contaminados com fezes de doentes ou portadores, ou pela via oral através de gotículas de secreções ao falar, tossir ou espirrar.

O sarampo, segundo o Ministério da Saúde, é uma doença extremamente contagiosa e pode ser transmitida pelo contato com secreções. Os primeiros sintomas são parecidos com os da gripe, mas evoluem para o aparecimento de manchas vermelhas pelo corpo.

A caxumba é uma infecção viral aguda, contagiosa. Os principais sintomas são febre, dores e aumento de volume de uma ou mais glândulas salivares. Pode atingir qualquer tecido glandular e nervoso.

A rubéola é uma doença aguda, altamente contagiosa, transmitida por vírus. A transmissão é de pessoa a pessoa, por secreções expelidas pelo doente ao tossir, respirar ou falar.

A varicela, também conhecida como catapora, é infecção viral altamente contagiosa, caracterizada pelo surgimento de erupções na pele que, após algumas horas, evoluem para pústulas e formam crostas em três a quatro dias. A transmissão é de pessoa a pessoa pelo contato direto ou por secreções respiratórias. A doença também pode ser transmitida pelo contato com lesões de pele.

DEIXE UMA RESPOSTA